quarta-feira, 20 de agosto de 2014

Final da Copa Floresta Ativa mobiliza a Resex Tapajós-Arapiuns

O clima da copa do mundo chegou ao fim, mas para as Comunidades da Reserva Extrativista Tapajós-Arapiuns na região do Oeste da Amazônia Paraense ainda não. É que nos dias 22 e 23 deste mês ocorre na Comunidade de Anã a final da Copa Floresta Ativa, um evento que reúne esporte, troca de saberes entre gerações diferentes e educação comunitária.
Promovida pelo Projeto Saúde & Alegria (PSA) juntamente com o Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio) e Associação das comunidades da Reserva Extrativista Tapajós- Arapiuns (Tapajoara). O evento busca promover a inclusão social através de ações educativas e de lazer, atividades essas que contribuem para o desenvolvimento humano.
A copa contempla duas categorias de competições, ambas simultâneas e integradas: os torneios de futebol (masculino e feminino) e o Festival de Artes, Cultura, Educação e Comunidades que contemplam 8 modalidades: teatro, música, paródia, cartaz, mascote, foto, vídeo e reportagem, inspiradas no lema ‘Juventude e Comunidades juntas pela Floresta Ativa!’.

Reta final da copa, quem levara a taça?
Foram quatro torneios eliminatórios com 56 times representando suas comunidades, sendo 22 do time feminino e 34 do masculino. Haja coração! Os eventos sub-regionais foram realizados em cada comunidade sede, entre os meses de abril e maio, ocorridas nas comunidades de Anumã, Surucuá, São Pedro e Vila de Boim. Neste sábado (23) os times classificados nas fases dos grupos irão se encontrar novamente. São oito times masculinos (Pedra Branca, Suruacá, Paricatuba, Vila do Amorim, Tucumã, São Pedro, Jauarituba e Nova Vista) e oito femininos (Maripá, Suruacá, Muratuba, Surucuá, Tucumã, Anã, Vila de Boim e Cametá).
A programação no dia 22 será norteada pelo seminário, Comunidades da Amazônia pelos direitos das crianças e jovens da Floresta. Durante todo o dia haverá debates, dinâmicas e grupos temáticos para discutir os desafios e anseios da juventude na Resex, já mapeadas pelo PSA juntamente com os jovens. As propostas e sugestões identificadas serão discutidas durante o seminário. O encerramento será com a inauguração da Hospedaria Comunitária Paraíso de Anã.Recentemente os comunitários lançaram uma campanha de financiamento coletivo pela internet para angariar mais recursos.
No sábado (23) ocorrem os torneios com cobertura feita pelos repórteres da Rede Mocoronga. No inicio noite haverá o Gran Circo do Saúde & Alegria, com as premiações dos times campeões e do Festival de Artes, Cultura, Educação e Comunidades. Uma grande festa, animada pelas bandas comunitárias, encerra a programação madrugada a dentro. As premiações vão deste a entrega de medalhas, troféus e quantias de valores em espécie.

Programa
Além da promoção da cultura, esporte e lazer, o PSA, através do Programa Floresta Ativa, tem apoiado as comunidades da Resex Tapajós-Arapiuns em diversos projetos que contribuem para a viabilidade econômica, social e ambiental como os viveiros para reposição florestal e sistemas agroflorestais; extração de óleos; artesanatos; ecoturismo de base comunitária, a exemplo da Comunidade de Anã, e o Centro Intercomunitário de Formação e Desenvolvimento de Tecnologias Socioambientais (CFTS).
A proposta do CFTS é a construção de um prédio onde possa disponibilizar as comunidades um local adequado para realizar formações, encontros, oficinas e desenvolver novas práticas sustentáveis e agroecológicas para a recuperação de áreas degradadas onde que irá conter viveiros comunitários, bosque agroflorestal, sistemas de culturas orgânicas e unidades de beneficiamento para agregar valor à produção de óleos essenciais e vegetais e assistência técnica (ATER) voltada ao agroextrativismo.
Outras iniciativas também estão sendo realizadas pelo PSA e parceiros, como programas pedagógicos em defesa dos direitos das crianças e adolescentes da Resex. O intuito é que o contato de lideranças mais experientes possam preparar as novas gerações na condução do futuro da Reserva Extrativista.

Por Lilian Campelo

Nenhum comentário: