terça-feira, 25 de junho de 2013

Inscrições para o processo seletivo para Agentes Comunitários de Saúde termina amanhã

A Prefeitura de Belterra, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (SEMSA), está com vagas abertas para o cargo de Agente Comunitário de Saúde (ACS). As inscrições para o Processo Seletivo Simplificado começaram no dia 11 e terminam no dia 26 de junho. Serão preenchidas três vagas para titular nas comunidades de Tauari/Pini, São Pedro Km 50 e Estrada 08; e uma suplência na comunidade do Chibé.


Os interessados no Processo Seletivo devem procurar a Secretaria de Saúde das 08h00 às 14h00 para obter mais informações. Para fazer a inscrição é necessário pagar o valor de R$ 25,00, comprovar ser maior de 18 anos, ser residente na área a partir da data de publicação do edital, ter o ensino médio completo, gozar de boa saúde mental e não ter antecedentes criminais. 

No momento da inscrição, o candidato deve estar com original e cópia dos seguintes documentos: carteira de identidade, CPF, título eleitoral, comprovante de escolaridade e comprovante de residência, e se for do sexo masculino, deve apresentar o certificado militar.

As provas serão aplicados pela Secretaria Estadual de Saúde (SESPA) no dia 14 de julho.

terça-feira, 18 de junho de 2013

Movimentos sociais realizam manifestação dia 25 de junho em Santarém

Os movimentos sociais do Oeste do Pará promoverão manifestações no dia 25 de junho nas cidades de Santarém, Itaituba e Altamira. O objetivo é cobrar agilidade das ações dos Governos Federal e Estadual na região.

À frente da mobilização popular e da negociação com os Governos estão o presidente da Fundação Viver, Produzir e Preservar de Altamira - João Batista Uchoa; o coordenador do Colegiado de Desenvolvimento Territorial – CODETER/BR-163 com sede em Itaituba - João Paulo Meister; e o presidente do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Santarém e representante do Conselho Nacional dos Seringueiros Manoel Edivaldo Santos. Esta comissão viajou na semana passada à Belém e Brasília para entregarem nos órgãos federal e estadual, as pautas do movimento.

Em Santarém, a concentração será no STTR-Santarém localizado na Avenida Cuiabá próximo ao Trevo da Moaçara a partir das 09 horas.

Durante cada ato, os manifestantes apresentarão as reivindicações para o desenvolvimento econômico e social dos municípios do oeste paraense. Os principais pontos são:
· Regularização Fundiária - Georeferenciamento dos Assentamentos e das áreas de regularização fundiária;
· Aprovação do Plano de Manejo das Resex;
· Licenciamento Ambiental nas áreas Indígenas para asfaltamento da Transamazônica - trecho Medicilândia - Rurópolis e Repartimento a Marabá;
· Plano de Regularização Ambiental - Municipalização do CAR - Cadastro Ambiental Rural; Viabilização dos Distritos Florestais; regularização ambiental das atividades produtivas na região.
· Plano de Financiamento das Atividades Produtivas, com Assistência Técnica e Extensão Rural;
· Plano de Infraestrutura Urbana e Rural - Estradas, Saneamento, Eletrificação Urbana (reluz) e Moradia Urbana e Rural;
· Saúde - Ampliação da Rede Pública de Saúde - com a construção de Hospitais Regionais em Oriximiná, Monte Alegre e Itaituba; construção do hospital municipal em Castelo dos Sonhos e Medicilândia;
· Educação - Ensino Médio, Apoio para as CFRs, Expansão da UFOPA, UEPA, IFPA, UFPA e funcionamento do Pronera ;
· Desenvolvimento Econômico - Financiamentos para o avanço tecnológico na Agricultura Familiar; economia florestal, pesqueira, agropecuária e minerária.
· Plano de Segurança Pública
· Fortalecimento das Instituições Federais - alocação de recursos para a Superintendência do INCRA de Altamira e Santarém; Implantação de Superintendência do INCRA em Itaituba e Posto Avançado do INCRA em Novo Progresso; Criação e estruturação do Escritório do Terra Legal em Altamira; Apressar a inauguração das Agências do INSS; fortalecimento do Ministério do Trabalho; acelerar a inauguração de novos prédios da CEPLAC em Medicilândia, Novo Progresso e Pacajá; instalação de Comarca e Defensoria Publica em Aveiro e Trairão;
· Construção de quadras poliesportivas nas cidades da região. 

sexta-feira, 14 de junho de 2013

14ª Maratona de Santo Antônio reuniu atletas em Belterra

A Prefeitura de Belterra por meio da Secretaria Municipal de Educação, Cultura e Desporto (SEMED) realizou no dia 12 de junho a 14ª Maratona de Santo Antônio no município de Belterra. A disputa ocorreu em três categorias diferentes: masculino principal, masculino máster e feminino principal. Maratonistas de diversas cidades da região competiram no evento que marca as festividades do padroeiro de Belterra, Santo Antônio, e que tem reconhecimento em todo o Estado por ter investimento na organização e na premiação do evento, uma das maiores do Pará.

As categorias masculino máster e feminino largaram da frente da Avícola Tapajós, na BR 163, até a Igreja Matriz, onde um grande número de pessoas aguardavam a chegada dos atletas. A categoria principal teve a largada na BR 163 em frente ao 8° BEC com a participação de 22 atletas que percorreram 42 km até o Centro de Belterra.

A entrega da premiação ocorreu logo após a chegada do último competidor, tendo a presença da prefeita de Belterra Dilma Serrão, do vice-prefeito Doutor Flavio Germani, do secretário de educação, cultura e desporto Luciano Gomes, do vice-presidente da Câmara de Vereadores Helivelton Noronha, do vereador Willames de Sousa, do Padre Auricélio Paulino e do Coordenador de Cultura Sandro Santos.

A categoria masculino máster teve o seguinte resultado:  1° Colocado – Manoel Gonçalves de Oliveira (Belém); 2° Colocado – Moisés Dalila de Oliveira (Paragominas);  3° Colocado – Doval Carneiro da Silva (Manaus); 4° Colocado – Luiz Veronico de Melo (Rurópolis) e o 5° Colocado – Adnaldo da Cruz santos (Tailândia).

Na categoria feminino a ordem de chegada foi a seguinte:  1ª Colocada – Risonete dos Santos Moura (Santarém); 2ª Colocada – Marcia da Silva Magalhães (Manaus); 3ª Colocada – Franciane dos Santos Moura (Santarém); 4ª Colocada – Irene Gonçalves Aranha (Manaus) e a 5ª colocada – Oane Nazaré Pantoja Lemos (Belém).


O resultado da categoria masculino principal: 1° Colocado – Fabiano Gomes (Jacundá); 2° Colocado – José Pedro Mendes (Belém); 3° Colocado – Renato Félix da Silva (Paraupebas); 4° Colocado – Araão da Costa dos Santos (Belém) e 5° Colocado – José Ribamar Gomes da Silva (Goianésia).

terça-feira, 11 de junho de 2013

Campanha Nacional de Multivacinação contra a Poliomielite continua até o dia 21 de junho



A campanha nacional de vacinação contra a poliomielite começou no último sábado (08-06) em todo o país. A Prefeitura de Belterra através da Secretaria de Saúde disponibilizou 12 postos de vacinação espalhados em todo o município de Belterra. A meta é vacinar até o dia 21 de junho todas as crianças de 06 meses a menores de 05 anos de idade com o objetivo de prevenir a paralisia infantil.

Segundo a enfermeira Eva de Sousa Silva, que coordena o setor de imunização da SEMSA, ainda faltam tomar a vacina mais de 900 crianças de todo município já que a meta é atingir o total de 1.704 crianças. Para isto, a vacina continua nos Postos de Saúde da Família, no Hospital Municipal e nas comunidades.

Nesta edição da campanha, as crianças menores de seis meses não serão imunizadas, pois elas já estão recebendo a dose injetável da vacina, que é parte do calendário básico de vacinação infantil. No ato da vacina, os pais devem levar a caderneta de vacinação dos seus filhos para que o profissional de saúde possa avaliar a situação de cada criança.

As duas gotinhas, como dose de reforço, serão dadas mesmo que as crianças já tenham sido imunizadas contra a doença. Se as crianças tiverem febre alta, alguma hipersensibilidade a algum componente da vacina, ou alguma doença aguda, os pais devem conversar com os profissionais de saúde antes da vacinação, de acordo com orientações do Ministério da Saúde.

O Brasil está livre do poliovírus há mais de 20 anos. O objetivo da campanha é garantir a não reintrodução da doença no território brasileiro.

sábado, 8 de junho de 2013

Dia 12 de junho acontece a 14ª Maratona de Santo Antônio

No dia 12 de junho a Prefeitura de Belterra realiza a 14ª Maratona de Santo Antônio. Haverá premiação para as categorias: Principal Masculino, Principal Feminino e Máster.
As inscrições podem ser feitas no site www.prefeituradebelterra.com.br ou na Coordenadoria de Desporto que funciona ao lado do Estádio Dedecão.

Ação Cidadania e Justiça é realizada em Belterra

Através de parceria da 7ª Vara da Infância e da Juventude com o Governo Juntos Queremos Mais foi possível oferecer serviços diversos à crianças e adolescentes do município.

A 7ª Vara da Infância e Juventude da Comarca de Santarém e a Prefeitura de Belterra desenvolveram o projeto “Ação de Cidadania e Justiça” no município de Belterra, com o objetivo de prestar serviços de cidadania para crianças e adolescentes. O projeto iniciou na sexta-feira (07/06) e terminou neste sábado (08/06) com atendimentos diversos como palestras, expedição de documentos, ações de preventivas de saúde, vacinação, atendimento jurídico e apresentações culturais.

O projeto teve parceria com o Ministério Público, Defensoria Pública e órgãos municipais, estaduais e federais. Além disso, a ação conta com apoio de voluntários de vários setores da sociedade civil. Toda a equipe do Governo Juntos Queremos Mais foi envolvida no Projeto que foi realizado em diversos locais de atendimentos: Praça Brasil, COPLAN, Casa Brasil, Escola Santo Antônio, Barracão Paroquial de Santo Antônio e Escola Waldemar Maués.

Segundo a juíza idealizadora do projeto, Josineide Gadelha Pamplona Medeiros, o projeto é a forma extrajudicial de garantir o acesso à Justiça e promover a cidadania, assim como efetivar a proteção e defesa de direitos de crianças e adolescentes.

Em seu discurso de abertura da ação, a Prefeita Dilma Serrão agradeceu a presença do projeto em Belterra. Ela ressaltou que estas ações são muito importantes porque permitem que a população resolva uma série de problemas sem sair de Belterra como as questões jurídicas e a expedição da Carteira de Identidade e Carteira de Trabalho para crianças e adolescentes do município.

A ação também teve caráter preventivo, com o objetivo de afastar os fatores de riscos a que estão sujeitos crianças e adolescentes, através da evasão escolar; trabalho doméstico e urbano; violência doméstica e urbana; gravidez precoce, uso de álcool e outras drogas; exploração sexual e acidente de trânsito. Por meio de palestras, estes temas foram abordados junto aos alunos da rede municipal de ensino que participaram ativamente da ação no município.

sexta-feira, 7 de junho de 2013

SEMAT promove Semana do Meio Ambiente

A Prefeitura de Belterra, por meio da Secretaria de Meio Ambiente e Turismo (SEMAT), deu início no dia 05 de junho à programação da Semana do Meio Ambiente no município de Belterra com a solenidade de abertura, palestras, oficinas de compostagem e reciclagem, todas estas atividades voltadas para o tema estabelecido pelo Ministério do Meio Ambiente que trata dos resíduos sólidos, ou seja, o lixo.

A programação encerrou com a Conferência Municipal do Meio Ambiente que foi realizada na Câmara de Vereadores nesta sexta-feira (07-06) com a presença de moradores da Flona, da APA Aramanaí, da cidade, estudantes, assim como representantes de movimentos sociais e do Governo. A segunda edição da Conferência teve o desafio de contribuir para a implementação da Política Nacional de Resíduos Sólidos, com foco na Produção e Consumo Sustentáveis; na redução dos Impactos Ambientais; na Geração de Trabalho, Emprego e Renda; e na Educação Ambiental. O vice-prefeito Flavio Germani participou da programação de abertura e destacou o compromisso da gestão municipal com a questão ambiental. "Nossa primeira medida foi colocar o caminhão coletor de lixo para funcionar. As próximas ações estarão pautadas no que for decidido nesta Conferência" enfatizou Doutor Flavio.

Com o lema "Vamos cuidar de Belterra", a Conferência foi um espaço em que os participantes colocaram suas preocupações, dividiram responsabilidades e apresentaram reivindicações e sugestões para aprimorar a política ambiental do município. Ao final foi eleito o senhor João Batista como delegado que irá representar município e apresentar as pautas de Belterra na Conferência Estadual de Meio Ambiente.

terça-feira, 4 de junho de 2013

Equipe de Governo visita a Cooperativa da Flona

A Prefeita de Belterra, Dilma Serrão e sua Equipe de Governo fizeram uma visita, hoje (04/06), no km 83 da BR-163, na Floresta Nacional do Tapajós, em Belterra, para conhecerem o Projeto Ambé que é desenvolvido pela Cooperativa Mista da Flona Tapajós-COOMFLONA, constituída por moradores da FLONA do Tapajós e tem como objetivo beneficiar essas comunidades tradicionais, a partir de manejo florestal comunitário e de baixo impacto, que prevê a exploração sustentável de produtos madeireiros e não madeireiros em uma área comum de 32.586,56 hectares da FLONA Tapajós.

Durante a visita foram apresentados os trabalhos das Entidades que estão ligadas diretamente ao trabalho do manejo florestal comunitário, a exemplo do do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), que se fez presente através do seu Presidente o Senhor Fábio Menezes. Participarão também os Vereadores da Câmara Municipal de Belterra.

Após a explanação das Entidades, houve um grande e importante debate entre os participantes com objetivo de estreitar ainda mais a parceira para a busca de mecanismos que melhorem a qualidade de vida não somente da População que é atendida na Flona, mas também de todo o Território Municipal.
Na programação estava marcada uma uma visita de campo nas áreas de manejo florestal, mas com o avançar da hora ficou agendado para uma outra data.

Saiba mais sobre a Coomflona
Fonte: Assessoria de Comunicação do Projeto BR-163

Atualmente a Coomflona é formada por mais de 150 cooperantes de 23 comunidades da Flona do Tapajós localizadas nos municípios Belterra e Aveiro.

De acordo com o presidente da cooperativa, Sérgio Pimentel, morador há 50 anos na Comunidade de Tauari, dentro da Flona do Tapajós, as discussões para criação da Coomflona iniciaram em 1999 por três associações. "Inicialmente, enquanto produtores rurais que trabalhavam de forma individual, não tínhamos muito retorno. Após as discussões e a implantação do projeto de manejo, nossa renda melhorou”, contou Pimentel.

Segundo ele, todos participantes da Coomflona sentem a diferença, do antes e do depois da cooperativa. “Quando as pessoas começam a se conscientizar, com respeito ao meio ambiente, num trabalho visando um impacto reduzido, vejo que essa é a solução para outras comunidades locais, principalmente as da Amazônia", argumentou Pimentel.

Além do manejo madeireiro, a Coomflona desenvolve trabalhos com os não-madeireiros, como a extração de óleos vegetais, reaproveitamento de madeira para a construção de móveis e a coleta de sementes para a elaboração de biojóias.

Em 2003, os comunitários foram incentivados pelo Projeto de Apoio ao Manejo Florestal Sustentável na Amazônia (Promanejo) que atuou durante 11 anos na Flona do Tapajós, por meio de financiamentos do Banco Alemão de Desenvolvimento KfW. A partir da portaria número 40/2003 do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente (Ibama) foi autorizado o início do projeto em forma experimental. Mas em 2005, houve a aprovação de forma definitiva do desenvolvimento do manejo comunitário durante 30 anos pela Coomflona, inicialmente denominado de Projeto Ambé.

Em 2009, a cooperativa foi agraciada pelo Ministério do Meio Ambiente (MMA) com o Prêmio Chico Mendes de Meio Ambiente (Menção Honrosa), sendo campeão na categoria "Negócios Sustentáveis". Mais de 80 projetos de diferentes regiões do Brasil concorreram ao título.

O presidente da Cooflona classifica o sucesso da organização ao valor de pertencimento ao empreendimento ambiental: "Acabou aquela relação entre patrão e empregado. Hoje, todo mundo é cooperado, todos devem trabalhar da mesma forma para as coisas darem certo. Isso é o mais importante na cooperativa, a união de todos".