sábado, 28 de maio de 2011

Assassinado líder camponês de Rondônia

O líder camponês Adelino Ramos, conhecido como Dinho e um dos sobreviventes do massacre de Corumbiara em 1995, foi assassinado sexta-feira(27) no estado de Roraima e é a terceira pessoa morta esta semana em conflitos de terras na Amazónia.

Dinho, que em Agosto de 1995 sobreviveu ao ataque em que morreram 12 pessoas, entre camponeses e crianças, às mãos de um comando de supostos paramilitares, foi assassinado quando vendia  hortaliças no Distrito de Ponta do Abunã, em Porto Velho, capital de Rondônia.

Segundo a organização católica Pastoral da Terra, o camponês foi baleado por atiradores que se faziam transportar numa motocicleta.

Nenhum comentário: