segunda-feira, 21 de março de 2011

PAC das Cidades Históricas chega a Belterra

 Retirado do blog do jornalista santareno Jeso Carneiro

Foto: Celivaldo Carneiro/Gazeta de Santarém
Belterra
Belterra e uma das suas heranças históricas: hidrante
Na próxima quinta-feira (24), uma equipe do BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social) desembarca em Santarém com destino a cidade de Belterra.
Lá, técnicos e diretores da instituição têm encontro marcado com o prefeito Geraldo Pastana.
Irão fechar negociações e agendar o início do PAC das Cidades Históricas.
No Pará, outras 8 cidades foram contempladas por esse projeto, entre elas Santarém, Óbidos e Fordlândia (Aveiro).
O Plano Municipal das Cidades Históricas de Belterra foi elaborado no ano passado, e aprovado pelo MinC (Ministério da Cultura), via IPHAN (Instituto do Patrimônio Histórico Artístico e Cultural).
Ele envolve a recuperação de prédios históricos, casas seculares, igrejas, praças, caixa d`água, iluminação de destaque, obras de saneamento, terminal em Pindobal, entre outras obras.

Nenhum comentário: