quinta-feira, 22 de abril de 2010

Mulher de luta

Minha mãe, Maria Irlanda, é ex-presidente do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Belterra. Ela é uma das que não arredam o pé da sede do Sindicato para nada até que saia uma nova decisão da Justiça do Trabalho.
Até o momento está correndo na Justiça do Trabalho em Belém o pedido de liminar que autorize a diretoria eleita à assumir a direção do Sindicato e que cancele o acordão firmado na Justiça do Trabalho em Santarém que marca novas eleições para o mês de julho.
Os trabalhadores rurais não tem data para voltarem para suas casas. Minha mãe diz que a luta é justa e não há motivos pra desanimar.
Boa sorte!

Nenhum comentário: