domingo, 18 de abril de 2010

Distrito de São Jorge com dificuldades no Telecentro Comunitário

Mais de 15 pessoas participaram da reunião extraordinária do Conselho Gestor do Telecentro Comunitário do distrito de São Jorge que ocorreu na manhã de hoje na comunidade de São Jorge. Os assuntos discutidos tratavam da finalização do 1º Curso básico de informática livre, atividade de intercâmbio com o Telecentro sede de Belterra e formação de novas turmas.

Perto de concluir a primeira turma de informática com 70 alunos, os conselheiros se mostraram preocupados com a situação do Telecentro, pois a maioria das máquinas não funcionam e a conexão à internet via Gesac não está existindo. A Conselheira Nataluce Sousa convocou os conselheiros à fazerem um abaixo assinado e posteriormente entregar à empresa Positivo para que as máquinas sejam consertadas ou substituídas e para a Embratel visando o imediato funcionamento da conexão à internet.

O Telecentro Comunitário do distrito de São Jorge iniciou suas atividades em janeiro deste ano e atende a mais de vinte comunidades que fazem parte daquele distrito localizado na BR 163 do municipio de Belterra. Ele faz parte do Edital de Telecentro Comunitário lançado pelo Ministério das Comunicações em 2007. A Prefeitura Municipal de Belterra fez o projeto e conseguiu aprovação para a istalação do referido Telecentro naquele distrito.

O maquinário foi instalado em 2008 em uma sala de aula da nova escola do distrito de São Jorge e logo a Embratel tratou de instalar a antena do GESAC para conexão à internet via satélite. No entanto o Telecentro começou a ser conhecido somente em setembro de 2009 quando a comunidade soube da existência do Telecentro e exigiu o seu imediato funcionamento.

O Telecentro de Inclusão Digital de Belterra organizou a criação do Estatuto do Conselho Gestor, eleição para os membros do Conselho, assim como a formação da 1ª turma e capacitação dos monitores de informática. Ele já faz parte da Rede de Telecentros de Belterra.

Nenhum comentário: